Como R$ 3 mil deram origem a uma rede gigante de franquias

Equipe Cherto

14 Jun 2019

compartilhar

Vinícius Almeida, um apaixonado por empreendedorismo e franchising, atualmente é sócio de um negócio que fatura mais de R$ 40 milhões por ano: o Grupo VA. Mas a história não começou bem assim e, na verdade, foi bastante desafiadora.

Aos 20 anos, Vinícius estava falido quando voltou a ser vendedor e se encontrou com Alexandre Loudrade, um antigo amigo que tinha acabado de inaugurar uma escola profissionalizante com R$ 3 mil emprestados. Foi aí que o sonho teve início.

“Começamos a trabalhar com muita dedicação no negócio. A vontade de vencer era tanta que trabalhávamos durante a semana em nossa empresa e, aos finais de semana, nas concorrentes, com objetivo único de conseguir capital para investir”, conta Vinícius.

Por que optar pela franquia?

Vinícius explica que foi após atingirem o número de seis unidades próprias da primeira rede, a Evolute Cursos, um concorrente pediu a ele e ao sócio para fazer parte da rede.

“Depois de receber o nosso know how, esse concorrente havia quintuplicado o seu faturamento. Foi nesse momento que percebemos que o nosso modelo de negócio poderia fazer a diferença na vida de outras pessoas e expandir nacionalmente pelo sistema de franchising”, conta.

Foi, então, que lançaram também a primeira rede de franquias de idiomas interativa do Brasil, a Pop Idiomas.

Após três anos de operação, os sócios decidiram investir no segmento de franquias em dois formatos: a Pop Idiomas Interativos, que oferecia um método interativo de ensino de inglês, e a Evolute, de cursos profissionalizantes.

Assim que chegaram a 100 unidades, montaram a Doutor Lubrifica, primeira franquia de troca de óleo delivery do Brasil. “Fizemos uma parceria para o desenvolvimento e expansão de outras duas marcas: Web4br e Contabexpress”, conta o empresário.

“Sinto uma enorme satisfação em contribuir ativamente para a transformação de centenas de pessoas que sonharam em empreender e escolheram ser nossos parceiros franqueados”, conta Vinícius.

Com mais de 200 unidades em operação, a holding hoje tem mais de R$ 40 milhões de faturamento.

“Meu negócio é franquia porque eu vejo nesse modelo uma oportunidade de crescer e ganhar mercado, além de poder realmente fazer uma gestão participativa com a colaboração de centenas de empreendedores, tornando mais simples e eficiente a expansão e solidificação das redes”, explica Vinícius.

Confira também: Formatação de franquia

Tags

cherto Faturamento franchising franquias

Como R$ 3 mil deram origem a uma rede gigante de franquias

Equipe Cherto

14 Jun 2019

compartilhar

Tags

cherto Faturamento franchising franquias